Notícias

10/10/2018

1ª Regata Marina Itajaí Marejada reuniu mais de 80 velejadores em Itajaí



A maior prova de vela oceânica de Santa Catarina, com saída de Florianópolis e chegada em Itajaí, definiu o campeão do Catarinense de Oceano e fez parte da programação da 32ª Marejada. Com o melhor tempo da competição, o time embaixador da vela de Itajaí conquistou o tetracampeonato catarinense.



1ª Regata Marina Itajaí Marejada reuniu mais de 80 velejadores em Itajaí


A 1ª Regata Marina Itajaí Marejada aconteceu no dia 06 de outubro e reuniu cerca de 80 velejadores, divididos em 17 barcos e 6 classes. Os barcos largaram por volta das 11h de Jurerê, Florianópolis, em direção a Itajaí. O percurso de 35 milhas náuticas, o equivalente a 65km de distância, foi válido como sétima das nove etapas da Copa Veleiros de Oceano 2018 e final do Catarinense de Oceano. A chegada dos competidores ao píer no Centreventos de Itajaí foi acompanhada por jornalistas, moradores e visitantes e fez parte da programação da 32ª Marejada, a festa portuguesa e do pescado.

Participaram da disputa barcos de Florianópolis, Itajaí, Joinville, Porto Belo e Balneário Camboriú, além de uma embarcação vinda da Argentina. O Itajaí Sailing Team (IST), barco oficial de vela do município, conquistou a fita azul da prova, ou seja, foi o primeiro a cruzar a linha de chegada com o tempo de 4 horas, 20 minutos e 5 segundos. O resultado rendeu o esperado título de tricampeão da competição estadual, sob o comando do velejador Alexandre Antonio dos Santos, um dos criadores do time, além de contar com a experiência do velejador convidado, o atleta olímpico André Fonseca, o “Bochecha”.

 

“Itajaí está muito bem representada na vela com o nosso time. Foi muito bom chegar a cidade como tricampeões do Catarinense de Oceano. No que se refere à organização o evento foi o melhor possível. É muito bom que a Marina Itajaí, um dos nossos apoiadores, faça parte disso”, contou o velejador Marcelo Gusmão Reitz - representante do Brasil em Atlanta 1996 – da equipe do Itajai Sailing Team.

 

A entrega oficial de troféus por categoria e o prêmio para o primeiro barco, o fita azul, pelo município de Itajaí, aconteceu na Marina Itajaí, seguido de jantar aos participantes inscritos.

 

“A Marina Itajaí é a casa do Itajaí Sailing Team e nos orgulhamos em contribuir com o esporte na cidade. A vela é uma modalidade, conforme já constatado com a própria parada da Volvo Ocean Race, que é de suma importância para a movimentação econômica, desde a infraestrutura de lazer e de apoio como turismo, compras, gastronomia, entre vários outros. Para se ter uma ideia, somente a Marina Itajaí, por exemplo, possui atualmente cerca de 60% das vagas molhadas ocupadas por veleiros. Uma justificativa de quanto a náutica e o esporte são um importante agregado ao turismo brasileiro, aos negócios, e um potencial em desenvolvimento”, explica a gerente comercial da Marina Itajaí Natasha Secchi.

 

O município de Itajaí recebeu pela primeira vez em 2010 a regata como parte das atrações da Marejada. Em 2018, foi a primeira edição com a organização da Marina Itajaí em parceria com o iate clube Veleiros da Ilha. “Quando anunciamos que a recepção da prova seria na Marina Itajaí, um equipamento que já possui um respeito muito grande do mundo náutico, os associados do iate clube adoraram a ideia. Para se ter uma ideia, no último evento que organizamos - com largada de Jurerê e destino a Porto Belo - contamos com 9 embarcações. Cerca de 30 dias depois, conseguimos dobrar o número de inscritos, mesmo diante de um final de semana com eleições e condições climáticas não favoráveis. Acreditamos que ano que vem a procura vai ser ainda maior. Este é um evento que marca uma data no calendário náutico e uma parceria duradoura”, disse Lucas Reis gerente do iate clube de Santa Catarina Veleiros da Ilha.

 

“Itajaí possui imenso potencial náutico, com condições favoráveis ao desenvolvimento da vela, um esporte importante para envolver a cidade e promovê-la ainda mais. Por isso, estamos fazendo ações para fomentar o calendário de eventos da nossa região, além de investir em novas atrações. É o caso desta iniciativa, uma realização da Marina Itajaí e do iate clube Veleiros da Ilha com o apoio da Prefeitura, que sinaliza como o munícipio também começa a se preocupar com provas menores”, comenta Evandro Neiva Secretário de Turismo de Itajaí e presidente da Itajaí Stopover Volvo Ocean Race.

 

Confira o desempenho das equipes de vela:

 

Classe ORC

1° lugar - Kiron 4

2° lugar - Absoluto

 

Classe IRC

1° lugar - Itajai Sailing Team

2° lugar - Katana /Portobello

3° lugar - Zeus Team

 

Classe C30

1° lugar - Corta Vento

2° lugar - Katana / Portobello

3° lugar - Zeus Team

 

Classe RGS A

1° lugar - Katana2

2° lugar - Zuriel

3° lugar - Missionário

4° lugar - Caos Calmo

 

Classe RGS Cruzeiro A

1° lugar - Blade Runner

2° lugar - Quival

 

Classe Bico de Proa

1° lugar - Marmay

2° lugar - Ogro

3° lugar - Gabriela

DNF  Tangaroá 2

DNC Nereiades

 

VOLTAR AO TOPO